A bebê que nasceu na quarta-feira passada em um escritório de emprego de Madri se chamará Inem, mesmo nome do local onde veio ao mundo inesperadamente, o Instituto Nacional de Emprego da Espanha.

 

 

A mãe do bebê, Clarice, de origem nigeriana, disse nesta sexta-feira à Agência Efe que decidiu assim batizar a filha “para que ela se lembre de onde nasceu“, um escritório na cidade de Alcorcón repleto de gente procurando trabalho.

A mulher, que teve a ajuda de uma médica brasileira no parto, confia que o nome da filha seja um sinal para que ela encontre trabalho rapidamente.

É o sexto filho de Clarice e seu marido. Mas, ao contrário dos outros, este veio ao mundo inesperadamente, um mês antes do previsto pelos médicos, e em apenas 20 minutos.

Foi mais ou menos como num filme“, narrou Clarice. Ela disse que, quando estava a caminho do escritório do Instituto, sentia dores que achou normal, “pela postura e pelo tempo de gravidez“.

Uma vez no escritório, as dores aumentaram, começou a se sentir mal e pediu aos funcionários do escritório que a atendessem rápido porque pensou que poderia estar prestes a dar à luz.

Abriram passagem para uma mesa, mas o computador não funcionava, momento em que senti dor, fui ao banheiro e disse que não podia mais esperar, que marcassem outra reunião para mim ou me dessem uma justificativa para poder voltar noutro dia. Mas enquanto faziam isso, a dor ficou mais forte até que minha bolsa estourou e já não pude fazer mais nada, dei à luz“, relatou.

Os funcionários perguntaram se havia algum médico na sala e uma brasileira de 32 anos, especializada em Psiquiatria, atendeu-a com a ajuda de várias pessoas que estavam no local, que lhe deram roupas, e até de empregados de um bar próximo, que levaram panos e água quente.

Agora a mãe se recupera no hospital de Alcorcón junto a Inem, e espera que este feliz acontecimento ajude-a a encontrar um trabalho de cozinheira, que é no que tem experiência, “ou de qualquer outra coisa que aparecer“.

A mulher, de 40 anos, vive há quase 20 na Espanha. Tem seis filhos, o mais velho de 22 anos.

Sem mais artigos