Pelo menos cinco pessoas morreram neste domingo e 45 ficaram feridas no desabamento de um palco do recinto onde acontece a feira anual de Indianápolis (EUA) devido a uma forte rajada de vento, segundo informou o Departamento de Segurança de Indianápolis.

O porta-voz do departamento, o sargento Dave Bursten, declarou em entrevista coletiva que um dos feridos morreu no hospital, elevando para cinco o número de mortos por causa do acidente. Bursten disse ainda que tem informação sobre 45 feridos, dos quais alguns estão em estado grave.

A Polícia revelou a identidade dos mortos após ter dado a notícia a seus familiares. As vítimas foram Tammy Vandam, Glenn Goodrich, Alina Bigjohny, Christina Santiago e Nathan Byrd, segundo a emissora de televisão local “WTHR13”.

O cronista musical do jornal “The Indianápolis Star”, David Lindquist, afirmou que o responsável pela operação policial, Brad Weaver, observou a “feia” tempestade que se aproximava e as autoridades chegaram a pensar em cancelar o show.

No entanto, a programação foi mantida e apenas se advertiu aos organizadores que o Coliseum Pepsi seria o ponto de refúgio para os 12 mil presentes caso tivesse início uma tempestade. A rajada de vento irrompeu inesperadamente quando os presentes na feira esperavam o início de um show de música country do duo Sugarland, segundo o jornal “Indianapolis Star”.

De fato, a cantora que abriu o show, Sara Bareilles, comentou ao acabar sua atuação que era uma bonita noite e 30 minutos mais tarde a estrutura do palco veio abaixo.

Equipes médicas e de resgate se deslocaram para o State Fairgrounds, onde é realizada anualmente esta feira na qual se comercializa gado e há diversas competições, além de música.A feira foi fechada ao público neste domingo.

Sem mais artigos