Todo inverno, em países em que a estação carrega a temperatura para números absurdos abaixo de zero, uma imagem sempre se repete: a ausência de dias de sol deixa a população com um aspecto um tanto esquisito, com mau humor, a pele flácida e uma leve e sazonal depressão.

Levando isso em conta é que o escritório de design Vaulot & Dyèvre, conduzidos pelos cérebros Quentin Vaulot e Golias Dyèvre, “criou” a solução ideal: pílulas com raios de luz solar. Armazenando raios de luz de países paradisíacos como Bora Bora, Haiti e Bahamas, o comprimido seria o grande trunfo para restaurar a vitalidade e espantar a preguiça nestes dias de frio em que o edredon é o artefato mais atraente do universo. 

Bem que poderia ser de verdade. Enquanto as indústrias farmacêuticas não desenvolvem essa grande ideia, os comprimidos inventados pelos designers são, pelos menos, fascinantes; vejas as fotografias acima!

Sem mais artigos