Conhecido por seus escândalos sexuais, Silvio Berlusconi foi alvo de uma “obra de arte”. O responsável por isso? O artista russo Mijail Dolgopolov.

Durante um festival artístico realizado em Spoleto, na Itália, o artista surpreendeu a todos e apresentou uma estátua em que uma mulher aparece fazendo sexo oral em um homem. O grande detalhe é que o rapaz ficou idêntico ao ex-primeiro ministro italiano.

Chamada de “Ato Divino”, a obra, feita toda em bronze, pesa 600 quilos e foi alvo de duras críticas dos responsável pela mostra até ser censurada.

Vittorio Sgarbi, um dos diretores da exposição, decidiu “modificar” a obra de arte, para evitar constrangimentos. O rosto de Silvio Berlusconi ganhou uma modificação e a cabeça da mulher foi escondida com um pano vermelho.

A intenção dos organizadores era a retirada da obra da exposição. No entanto, devido ao seu grande peso, eles deixaram a estátua no local com apenas algumas “adaptações”.

Seria uma censura à arte ou bom senso?

Estátua de Silvio Berlusconi recebendo sexo oral é censurada na Itália

Sem mais artigos