Um estudante de 21 anos admitiu ter matado e esquartejado seu colega de apartamento no estado de Maryland, no nordeste dos Estados Unidos, para comer partes de seu corpo.

 

Em declaração aos investigadores, o estudante confessou ter matado seu colega de apartamento, além de ter comido seu coração e partes de seu cérebro, informou nesta sexta-feira (01) a emissora local “CBS Baltimore”.

As autoridades entraram em alarme na zona há justamente uma semana, quando foi denunciou o desaparecimento de um homem de 37 anos, detalhou o Escritório do xerife do Condado de Hardford.

“Durante o curso da investigação sobre a pessoa desaparecida, os detetives do condado encontraram evidências que os levaram a acreditar que o mesmo havia sido vítima de um crime”, declararam as autoridades, que chegaram a encontrar os restos do corpo na residência do até então suspeito.

Nas últimas horas, o rapaz de 21 anos, que vivia na mesma casa do homem assassinado, foi detido e acusado pelo Escritório do xerife do condado de assassinato em primeiro grau e assalto em primeiro e segundo grau.

O assassino, que se encontra detido sem direito a fiança, admitiu o crime diante das autoridades, mas não revelou suas motivações.

No último sábado, um homem foi morto por disparos da polícia no momento em que atacava outra pessoa em uma transitada estrada de Miami. Antes, este mesmo homem havia comido parte do rosto da vítima. 

Sem mais artigos