O web designer Paul Armstrong, de Ohio, nos EUA, desenvolveu um trabalho de fotografia bastante curioso. No maior estilo “Querida encolhi as crianças”, ele brinca com o seu tamanho e dos objetos ao redor, criando imagens divertidas e bastante realistas. 

Pai de dois filhos, ele se tornou fotografo e modelo nesta série cheia de detalhes fantasiosos, que mostra o dia a dia de sua família e foi batizada de “Big me, small me”. 

“Eu estava confuso, frustrado e grato com muitas coisas. Confuso sobre o porquê de estar chamando atenção com fotos tão bobas; frustrado por não conseguir transformar isso em uma carreira; e grato por ninguém, se quer, perceber o que eu estava fazendo. Pensei sobre o que isso significava, conceitualmente, e se havia uma maneira de visualizá-la”, disse ao “My Modern Met”, sobre seu trabalho.

Segundo ele, para fazer as fotos, tentou parecer pequeno e indefeso, e em outras ocasiões, grande, desajeitado e sem se encaixar no ambiente que o rodeava. 

O resultado disso tudo pode ser visto na galeria acima e no Flickr do artista. 

Sem mais artigos