O homem é o único animal capaz de alterar drasticamente o ambiente em que vive. Essa capacidade nos trouxe confortos, mas também levou a desastres ambientais como o recente rompimento de barragens em Mariana (MG). O fotógrafo belga Fabrice Monteiro e o estilista senegalês Doulsy discutem o futuro do planeta na mão dos humanos em uma série de imagens assustadoras, intitulada The Prophecy (a profecia, traduzido do inglês).

Doulsy foi responsável por transformar lixo em peças de alta costura. Monteiro diz que usou a história mitológica da deusa grega Gaia, símbolo do planeta Terra, para construir sua narrativa fotográfica. Cada modelo é uma das filhas de Gaia e simboliza as nove preocupações da deusa em relação ao meio ambiente.

“Gaia, a mãe Terra, está exausta com a incapacidade de manter os ciclos naturais do planeta, frente aos novos modelos de consumismo e de vida. Ela decide enviar suas filhas aos humanos para lhes entregar mensagens de advertência e empoderamento”, diz o fotógrafo.

Sem mais artigos