Após a liberação do campo de concentração de Bergen-Belsen na Alemanha, os soldados e guardas a serviço do regime nazista foram levados para a cidade de Celle, onde aguardaram julgamento.

Entre eles estavam um grupo de guardas mulheres, fotografadas antes de serem condenadas por crimes contra a humanidade.

As fotos em preto e branco chamam atenção por não demonstrar remorso, e muito menos sucitam que as personagens foram responsáveis pelo extermínio de milhares de pessoas.

As imagens fazem parte da coleção do Imperial War Museum, da Inglaterra. 

Sem mais artigos