Rebeka Curtts levou 30 facadas durante um programa

Uma mulher transexual passou por um momento de pânico neste final de semana em Içara, no interior de Santa Cataria. Rebeka Curtts levou 30 facadas de dois homens durante um “programa”.

Rebeka foi levada ao hospital após muitos ferimentos causados pelas facadas, principalmente no rosto e na cabeça. Ela explicou à repórter Gabryella Garcia, do UOL, sobre como foi o crime. Um dos homens envolvidos já era cliente assíduo dela.

“No sábado, por volta das 5h30, ele me ligou para nos encontrarmos. Ele já estava me devendo um dinheiro e disse que iria pagar tudo e levar outro amigo. Peguei meu carro e fui até o local combinado”, contou.

Segundo a garota de programa, o local era em uma estrada de terra, na zona rural de Içara. O cliente tentou pagar com cartão o programa, mas o pagamento foi recusado. Foi então que os dois sacaram a arma e desferiram os golpes em Rebeka.

Depois da agressão, ela ainda conseguiu, muito zonza, sair do carro e se dirigir a um sítio próximo, de onde a polícia foi chamada. Rebeka foi levada a um hospital e se recupera dos ferimentos.

A Polícia Civil afirmou que está investigando o caso e que vai instaurar um inquérito para apurar as motivações do crime e encontrar os acusados.

Sem mais artigos