Ronald McDonald não deve estar amando nada disso. Ele foi preso após por entrar em um restaurante do McDonald’s no Reino Unido

O inglês de 50 anos, que por coincidência tem o mesmo nome do palhaço garoto-propaganda da casa de lanches, foi proibido de frequentar o estabelecimento após agredir a ex-mulher em um dos restaurantes da franquia.

Ignorando a ordem da justiça, ele seguiu a ex-parceira até um McDonald’s em Westwood, no Reino Unido e foi parar na delegacia. “O sr. McDonald seguiu a ex-mulher por várias ruas. Ela estacionou em um McDonald’s em Westwood Cross e ele foi atrás dela,” disse a promotora Julie Farbrace.

O site “This is Kent” informou que o homem estava proibido de entrar no McDonald’s desde o dia 11 de setembro, e a pena previa que ele deveria ficar longe do restaurante por 86 dias e da mulher, por três anos. 

O homem declarou que está arrependido, e que não vai mais violar a ordem da justiça. 

Sem mais artigos