Uma anciã de 124 anos, Gezel Dadashova, foi votar nesta quarta-feira nas eleições presidenciais que acontecem no Azerbaijão acompanhada de 41 de seus descendentes.

Gezel, que chegou à seção eleitoral escoltada por seus filhos, netos, bisnetos e tataranetos, exerceu o direito ao voto na cidade de Giulbend, região central de Agdash.

“Ela disse que, apesar de sua idade avançada, pode se deslocar livremente, não tem problemas de memória, enxerga normalmente, tem boa saúde e participou de várias eleições”, informou a agência local “ARA”.

A anciã, que elogiou a organização das eleições, não precisou de ajuda para cobrir a cédula e depositá-la na urna correspondente.

Gezel afirmou que recusou a possibilidade de que uma urna fosse levada a sua casa, como é o caso de muitos eleitores da terceira idade do país caucasiano, onde é comum passar dos 100 anos de idade.

Sem mais artigos