Este escriba, mesmo escalado para trabalhar no plantão de Carnaval, não gostaria de estar na pele de Eike Batista. De acordo com o advogado do ex-bilionário, Sérgio Bermudes, o cara está sem dinheiro sequer para comprar banana para seu filho pequeno, Baldur.

É que, no último dia 6, a polícia cumpriu um mandado de apreensão de bens na mansão do empresário e levou joias, piano, relógios, carros e até seu celular.

Além de Eike, seus filhos maiores de idade, Thor e Olin, e suas ex-mulheres, Luma de Oliveira e Flávia Sampaio, também tiveram bens bloqueados e apreendidos. Luma, segundo o jornal Extra, teria feito um escarcéu na frente da casa do empresário, dizendo que pegaria suas coisas e se mudaria para a casa dele. Uuuuuh!

Na galeria aqui em cima, a gente imaginou como teria sido as últimas conversas de Eike no Zapzap (vulgo WhatsApp) antes de o aparelho dele ser apreendido. Esse dia foi tenso!

Sem mais artigos