Um homem morreu na segunda-feira depois de espalhar as cinzas de seu irmão no alto de uma montanha dos Alpes italianos, quando passava por uma escada metálica que foi atingida por um raio já na descida do monte.

O impacto da descarga elétrica o jogou vários metros abaixo, informam nesta terça-feira a imprensa italiana.

A vítima do acidente foi o jornalista italiano Federico Dean, de 41 anos. Ele estava no alto da montanha Montasio, na província de Trentino-Alto Ádige.

Ele jogava as cinzas de um irmão mais novo, que morreu dias atrás em um acidente de trânsito no México.

Dean, que estava acompanhado de um amigo, deixou na montanha uma placa comemorativa em homenagem ao irmão e fez várias fotografias.

Próximo da hora de retornar, o tempo começou a piorar indicando a aproximação de uma tempestade.

Quando Dean e seu amigo cruzavam a chamada Scala Pipan, uma espécie de escada metálica que leva ao alto da montanha, ele foi atingido por um raio que lançou o primeiro a cerca de cem metros abaixo, causando ferimentos em várias partes da cabeça.

Federico Dean morreu em consequência dos múltiplos ferimentos recebidos na cabeça e no corpo.

Seu companheiro de escalada sofreu algumas queimaduras e só nesta terça-feira conseguiu contar à Polícia o que ocorreu, já que estava em estado de choque.

Sem mais artigos