Essa menina é um combo politizado entre a menina que chuta a bunda de monstros, o Charlie da mordida no dedo, e o David depois do dentista.

Juju, de apenas 8 anos, manda um recado ao presidente Mubarak, do Egito. De pijamas, a garotinha saudita responde sem titubear o que diria ao presidente se pudesse falar diretamente com ele.

“Eu diria a ele para remover aquela lei sobre ser o presidente pra sempre e para que deixe o povo do Egito votar”, começa ela, mostrando que sabe exatamente quais são os anseios da população egípcia depois de 30 anos de governo de Mubarak.

Ela ainda explica os motivos do apelo, alegando que “se não deixar, só vai trazer mais problemas para você, vai ficar mais difícil para governar o país, e eles vão estar na TV para sempre”.

Ela não cita diretamente os US$12 bilhões (R$20 bi) de prejuízo que o Egito já acumulou nos últimos oito dias. Mas garante que se o povo continuar na rua, ele terá “problemas enormes, e todo o dinheiro será gasto para arrumar os hotéis que estão sendo danificados”.

Na descrição do vídeo, explica-se que a referência aos hotéis tem relação com os prédios em chamas que Juju via pela televisão. Mas ela não está de todo errada em chamar atenção para esse detalhe. O Egito depende do turismo, mas com as pirâmides fechadas à visitação e as principais cidades ocupadas por manifestantes, até as agências estão rcomendando que seus clientes cancelem ou adiem suas férias.

Mas a melhor dica de Juju para Mubarak vem só no final do vídeo. “Alguns dos seus policiais estão tirando os uniformes e se juntando às pessoas!”, cochicha a garota, falando dos oficiais que apoiam os manifestantes.

Sem mais artigos