Agnes Kasparkova é uma avó de 87 anos que vive na vila tcheca de Louka, no sul da Morávia. Não se engane, porém, com a soma de anos: ela tem energia de sobra para, em seu tempo livre, se dedicar à atividade de que mais gosta: pintar motivos tradicionais nas casas de vizinhos (diz aí, você não gostaria de morar perto dela?).

A enérgica idosa se aposentou de seu trabalho como agricultora há 30 anos e, desde então, tem pintado casas com detalhados desenhos florais ultramarinos azuis. Ela conta que aprendeu a arte com outra mulher, chamada Manakova. Quando Manakova morreu, Agnes decidiu continuar o trabalho dela.

“Eu só estou fazendo o que gosto. Eu tento decorar o mundo um pouquinho”, diz Agnes, que, todo mês de maio, se dedica a decorar as paredes da capela da vila (ela até sobe em uma escada para pintar as partes mais altas).

Sem mais artigos