Que os asiáticos vivem inventando moda não é novidade. Mas há alguns dias as redes sociais chinesas têm sido inundadas de fotos de pessoas “ultra” flexíveis praticando alongamentos malucos. O famoso “espacate” – exercício comum às aulas de dança, como o ballet – é o preferido para as poses inusitadas. 

 

As cenas bizarras mostram pessoas se alongando em momentos e lugares incomuns, como em cima de um carro, entre duas mesas, almoçando, ao telefone e onde mais a imaginação permitir. 

 

De acordo com o site chinês “Sina”, o “meme” começou quando uma estudante universitária postou no Weibo (o Twitter da China) uma foto se alongando em seu dormitório. A partir daí, várias outras pessoas começaram a imitá-la. Alguns, inclusive, já passaram a “um estágio” superior, mostrando-se contorcionistas muito mais habilidosos. 

 

Aqui no Brasil, as famosas gêmeas do nado sincronizado, Bia e Branca, já têm essa mania há algum tempo e sempre postam fotos do tipo em suas páginas em redes sociais. Veja imagens delas e das chinesas no albúm acima. 

Sem mais artigos