Azul da cor do mar por apenas R$15 mil. Topa?

Azul da cor do mar por apenas R$15 mil. Topa?

Todos nós que nascemos com um par de olhos castanhos nos perguntamos pelo menos uma vez na nossa vida: como será que é ter olhos azuis? Às vezes não é nem questão de estar satisfeito ou não com a cor dos seus olhos, mas a grama do vizinho sempre é mais verde, né? Sabendo disso, a Stroma Medical desenvolveu um método pioneiro e ainda único no mundo que altera permanentemente a cor de seus olhos de castanho par azul em semanas.

Ainda em fase de testes nos Estados Unidos e não disponível comercialmente, o método já alterou permanentemente a cor dos olhos de 37 pacientes do México e da Costa Rica. Se você já está imaginando “hum, acho que é uma boa ideia”, já comece a levar marmita pra almoçar na firma porque isso não vai sair barato: estima-se que o preço do procedimento será de US$ 5 mil, o que equivale hoje a R$ 15,5 mil. Tenho quase certeza que uma lente colorida deve sair mais barato do que isso, amigos.

A grande pergunta é: como isso funciona? O processo não envolve nenhum tipo de tinta ou realmente uma “mutação” no olho. A verdade é que todos nós, no fundo, temos olhos azuis – e eu to falando literalmente. “O princípio fundamental é que sob cada olho castanho existe um olho azul. A única diferença entre um olho castanho e um olho azul é esta camada muito fina de pigmento na superfície. Se você retirar esse pigmento, em seguida a luz pode entrar nas fibras do estroma – aquela parte que se parece com os aros de uma bicicleta em um olho claro – e quando a luz se dispersa ela apenas reflete os comprimentos de onda mais curtos e que são a extremidade azul do espectro”, disse Gregg Homer, o chefão da Stroma Medical, para a CNN. Assim, o procedimento apenas retira a melanina dessa camada em apenas 20 segundos e em algumas semanas é possível ver a mudança de cor.

A diferença entre as cores dos nossos é basicamente a quantidade de melanina que nosso estroma possui.

A diferença entre as cores dos nossos é basicamente a quantidade de melanina que nosso estroma possui

Apesar de ainda não ser um procedimento aberto ao público, testes preliminares indicam que o procedimento é seguro. Mesmo assim, ainda serão necessários alguns anos até que a fase de testes esteja completa. Alguns especialistas alertam que o pigmento morto pode bloquear alguns canais do olho, aumentando a pressão ocular e podendo ocasionar um glaucoma.

Por falar em cirurgia plástica, a gente tem, aqui embaixo, uma galeria de fotos do resultado inacreditável de operações plásticas feitas na Coreia do Sul. A cor do olho é a mesma, mas os pacientes parecem outras pessoas depois das intervenções.

Sem mais artigos