Oficiais em Pequim definiram os novos padrões para os banheiros públicos – incluindo um número máximo de moscas: duas por banheiro.

 

 

 

As novas regras, publicadas pela comissão administrativa da cidade, também define padrões de odor, segundo reportou a “BBC”.

Também instituíram regras básicas de limpeza e treinamento dos atendentes, mas não ficou claro como os banheiros que não atingirem o padrão serão penalizados.

Os novos padrões também requerem sinalizações em chinês e inglês instaladas nos banheiros.

Eles também regulamentaram anúncios nos banheiros, dizendo que eles não podem obstruir a funcionalidades e devem estar de acordo com a lei, segundo o jornal “Beijing Times”.

A Comissão Municipal de Administração da Cidade e Meio-Ambiente de Pequim disse que as regulamentações almejam padronizar a administração de banheiros públicos em lugares como parques, estações de trens, hospitais e shoppings.

Um oficial da comissão que não quis se identificar disse a mídia local que as recomendações em relação ao número de moscas foram feitas para facilitar o monitoramento.

Sem mais artigos