Seiscentos e setenta e cinco pescadores foram resgatados neste domingo de uma grande placa de gelo à deriva no sul da ilha de Sakhalin, no norte do Pacífico, informou o Ministério para Situações de Emergência do país.

“Todos os pescadores foram resgatados. A operação foi concluída”, disse um porta-voz do ministério em declarações recolhidas pela agência de notícias “Interfax”.

A placa de gelo, de cerca de um metro de espessura, desprendeu-se da margem na localidade de Vzmorie e começou a ser levada mar adentro.
Ao todo, 40 socorristas, dez embarcações e um helicóptero participaram dos trabalhos de resgate.

A pesca no gelo é um dos passatempos favoritos dos russos, apesar das autoridades advertirem constantemente do perigo desta prática, sobretudo na primavera.

Segundo a Associação Nacional de Pesca, quinze milhões de russos praticam a atividade, principalmente no inverno. 

Sem mais artigos