Se você tem rinite alérgica, prepare os lencinhos porque aquela crise de 100 espirros por segundo vai rolar só de olhar as imagens acima- mas vale a pena, acredite. O que Paul Hazelton faz com o pó doméstico, aquele mesmo que te dá crise alérgica, é de cair o queixo.

O artista britânico desenvolveu uma técnica para criar esculturas absolutamente delicadas utilizando a sujeira que aterroriza qualquer pessoa que limpe a própria casa. Aliás, se você estiver de saco cheio de fazer limpeza, saiba que Hazelton utiliza não só a poeira de sua casa, mas também coleta o pó da casa de seus amigos e até fãs de seu trabalho enviam o material para ele compor sua esculturas.

Criado em uma casa que até desenhar sobre a mesa era considerado “sujar a casa”, Paul tem uma relação muito diferente com o pó do que o resto da humanidade. “A poeira é um produto da vida “, disse o artista para o Lost At E Minor,”e mesmo assim as pessoas querem limpar todas as evidências disso. É um material interessante para usar para explorar assuntos gerais ou difíceis (como a morte), já que todos nós temos um relacionamento com a poeira, de alguma forma ou de outra”.

 

Sem mais artigos