(Foto: East2west News/ reprodução Daily Mail)

A russa Lira Plaksina, de 47 anos e moradora do vilarejo de Vasilyevo, em Tartaristão, foi condenada a quatro anos de prisão por cortar fora o pênis do seu marido (agora ex).

Segundo informa o Daily Mail, o marido de Lira chegou bêbado em casa tarde da noite e exigiu fazer sexo com ela. Mais tarde, quando ele estava dormindo embriagado no sofá, ela decepou o pênis dele com uma faca de cozinha.

No julgamento Lira alegou que agiu em própria defesa, mas foi considerada culpada por tê-lo atacado em um momento vulnerável, quando estava dormindo.

No tribunal, ela disse que ‘está tudo normal’, mostrando nenhum arrependimento com o que fez e aceitando a pena. Ao sair do local escoltada por policiais, mandou beijinhos.

(Foto: East2west News/ reprodução Daily Mail)

 

 

Sem mais artigos