Um dos navios mais famosos da história, o Titanic está prestes a ganhar um “irmão gêmeo”. O projeto é do político e empresário australiano Clive Palmer, bilionário que comprou a Blue Star Line. A ideia é fabricar o Titanic II totalmente inspirado no modelo original, mas de uma forma que o transatlântico respeite as regras de segurança atuais.

Um vídeo conceito liberado pela empresa mostra que a nova embarcação é a cara do irmão mais velho, que acabou naufragando há mais de 100 anos.

Assim como o Titanic original, o navio terá cabines de primeira, segunda e terceira classes, salas de jantar com direito a escadaria no centro, sala para fumantes, café parisiense, etc. O vídeo-conceito não mostra muita coisa de melhorias para os passageiros nas áreas comuns, mas há um heliponto no deck.

Com 840 cabines divididas entre as três classes, o novo gigante dos mares terá capacidade para acomodar até 2.435 passageiros e mais 900 membros da tripulação.

O custo total do projeto não foi revelado, mas estima-se que o novo navio custará no mínimo £300 milhões (R$ 1.7 bilhão) e no máximo £400 milhões (R$ 2.25 bilhões). A plano é que o novo Titanic faça a primeira viagem em 2018.

Sem mais artigos