Desenvolvido pela consultoria de produtos Aruliden, baseada em Nova York, esse novo brinquedo sexual promete entreter até o maior nerd enxadrista (e tarado).

As 32 peças vêm com desenhos diferentes para lembrar as formas tradicionais, mas são vibradores com formatos anatômicos e fabricados com silicone médico. Os detalhes dourados também servem como um afrodisíaco estético extra.

Kiki de Montparnasse, a sex-shop que encomendou o jogo, diz que os kits de jogo estarão prontos para a venda entre novembro e dezembro desse ano. Mas o preço não é dos mais estimulantes: US$ 7.000 (R$ 11.940).

E tem gente rica e tarada tão fanática por xadrez assim? Rinat Aruh, co-fundadora da Aruliden, diz que sim: “O pessoal da Kiki disse pra nós, ‘se vocês fizerem, nós temos os clientes que vão consumir'”.

E se a gente considerar que a mesa de ping-pong/lousa que a Aruliden criou para a Puma está vendendo bem, mesmo custando US$4,700, ela provavelmente está certa.

E se você não acha que xadrez pode ser uma boa preliminar, dá uma olhada nessa cena clássica do filme “Crown, o Magnífico”, de 1968, em que Faye Dunaway dá um xeque em Steve McQueen.

Sem mais artigos