Dias antes da semana de moda mais importante do país, a SPFW (São Paulo Fashion Week), estimativas apontam que cada brasileiro deve gastar neste ano, em média, R$ 786 com vestuário, segundo informações do Ibope.

O valor é superior ao estimado em 2012, quando a média nacional foi de R$ 670. Ainda de acordo com o estudo, as classes B e C serão as maiores consumidoras, com 40% do potencial de consumo cada.

Em reais, o potencial de consumo da classe C é de R$ 52 bilhões e o da classe B, R$ 51 bilhões, de um total de R$ 129 bilhões estimados para 2013, 18% a mais do que no ano passado.

Já a classe A, deve representar 12%, com potencial de consumo de R$ 15 bilhões, acima dos R$ 13 bilhões do ano passado.

As classes D e E compõem o menor grupo de consumo para o varejo de moda, com potencial estimado para 2013 de 8%, atingindo R$ 10,5 bilhões. Apesar do baixo volume, o crescimento esperado é de 47% sobre os R$ 7 bilhões do ano anterior.

O potencial de consumo refere-se apenas ao consumo domiciliar, ou seja, às compras de pessoa física junto a varejistas do ramo e inclui a aquisição de vestuário masculino, feminino e infantil. 

Sem mais artigos