A estilista Clô Orozco, dona das marcas Huis Clos e Maria Garcia, foi encontrada morta na manhã desta quinta-feira (28), em Higienópolis, na capital paulista.

A morte da design de 60 anos, ainda será investigada mas no boletim de ocorrência o caso foi registrado como suicídio.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, Clô teria se jogado do 5º andar do prédio onde morava. Duas motos dos bombeiros e do Samu foram deslocadas, mas a morte foi constatada no local.

Segundo parentes e amigos, a estilista estava passando por um momentos de crise nos negócios e já havia tentado suicídio outras duas vezes. Além disso, Clô fazia tratamento contra “esquizofrenia paranoide”.

A carreira no mundo da moda de Clô Orozco começou em 1970, quando inaugurou sua primeira loja, a multimarcas “Splash”. Logo depois, a estilista fundou a Huis Clos em 1979.

Já em 2011, ela assumiu as coleções da Maria Garcia, dedicada a uma moda mais jovial. 

Estilista Clô Orozco morre em São Paulo; caso é registrado como suicídio

Sem mais artigos