A maioria das modelos sonha em um dia se tornar parte do grupo de angels da Victoria’s Secret. Mas o caminho até chegar a este posto, que já foi conquistado por tops como Alessandra Ambrósio e Adriana Lima, nem sempre é fácil. É o que conta para a Vogue a estilista Sophia Neophitou-Apostolou, que atua como diretora criativa da grife há três anos.
 
“A seleção é muito assustadora para elas. Elas são provisoriamente escolhidas por John Pfeiffer, mas a decisão final de quem vai participar do desfile anual da grife é feita por todos da equipe. Nós ficamos sentados em uma longa mesa em uma sala só observado as modelos caminharem em nossa direção e voltando. Todas passam por isso – até mesmo as meninas já contratadas – e é extremamente estressante para elas”, afirma.

“Elas precisam estar prontas para o show. É como um atleta olímpico que precisa estar em sua melhor condição física. E para as modelos não basta elas serem magras ou qualquer coisa assim: é preciso que elas estejam perfeitas para fazer uma performance em que mostram o melhor de si”, completa.

O próximo Victoria’s Secret Fashion Show está marcado para o dia 14 deste mês, em Nova York. Milhares de garotas já devem estar à flor da pele.

É, vida de modelo não é fácil!        

Sem mais artigos