A grife 284 está em más lençóis com a Hermès. A brasileira, comandada por Marcella, Luciana e Bernardino Tranchesi, filhos de Eliana (Daslu), lançou, em março de 2010, algumas bolsas que reproduzem a famosa it bag Birkin, da Hermès. A linha, intitulada “I´m not the original”, é idêntica às originais, só que feita em moletom.

A Hermès não gostou dessa história e decidiu processar a 284, para impedir a venda das genéricas. Na acusação é alegado que a marca brasileira está se beneficiando do designer original Birkin, para obter lucro.

Um trecho do processo diz: “Ao copiar um design criativo distintivo e fazer referências à bolsa “Birkin” original, beneficia-se a autora reconvinda do design e dos investimentos feito pela ré reconvinte na divulgação da bolsa, e prejudica-se a reputação da ré reconvinte de fornecer um produto exclusivo, voltado para um segmento de mercado altamente especializado. A diluição da imagem do produto da ré reconvinte por certo lhe causa danos, pois quem o adquire o faz não somente pela beleza, mas também pela exclusividade”.

As informações são do site da Vogue Brasil.

Birkin da Hermès:

Sem mais artigos