Aos poucos a moda está se rendendo e começando a se adequar a novos padrões de beleza e não somente mulheres altas e magérrimas têm seu lugar ao sol. A sueca H&M, segunda maior fast fashion do mundo (atrás apenas da Zara), deixou de lado as modelos convencionais e colocou a americana Jennie Runk à frente de sua nova campanha de moda praia.

Usando manequim 44, a modelo posou de biquíni, maiô e roupas casuais. Segundo o “Daily Mail”, muitas consumidoras escreveram e-mails de agradecimento ao departamento de marketing da marca. “Adoro ver uma menina com o meu tipo de corpo representada no site de vocês”, dizia uma das mensagens.

Em entrevista à publicação, Jennie comentou que não gosta do uso do termo “plus size” já que acredita que a palavra só define quem é maior do que uma modelo comum:  

“Espero o dia em que o termo plus size não exista mais. Uma modelo plus size não é uma mulher plus size. Só somos maiores do que a média das modelos”, afirmou. “Estamos tentando criar um movimento para que toda mulher ame seu próprio corpo, não importa o corpo que ela tenha”.

Sem mais artigos