Jaloo

Divulgação Jaloo

Paraense da cidade de Castanhal, que fica a 70 km da capital Belém, Jaloo trouxe para São Paulo um som que mistura pop e funk ao tecnobrega e ao carimbó. Sua criatividade e pluralidade artística aparece tanto em suas músicas autorais quanto em sua extensa lista de remixes já lançados, que vai de Rihanna, Miley Cyrus e Grimes até chegar na estratosférica Gal Costa.

O Virgula Música acompanhou por um dia a vida do artista, que revelou como é a sua rotina por trás de toda a vibe mística que o rodeia. Da linguagem visual à musical, Jaloo está envolvido em cada pequeno detalhe de sua carreira. “Eu descobri aqui em São Paulo que sou uma pessoa bem visual, exótica, essas palavras que as pessoas gostam de usar”, conta. A partir disso, ele percebeu que podia transformar seu estilo em algo ainda mais único.

Apesar de ter o tecnobrega como uma grande influência, Jaloo conta que nunca foi sua intenção apenas emular o estilo. “Eu sempre quis fazer algo diferente e não parei até hoje”, diz sobre sua identidade sonora. Além de compor e produzir suas próprias músicas, Jaloo também se apresentava sozinho até a recente chegada da tecladista Irina Neblina e da baterista Nana Rizinni para dar mais força ao projeto.

Quer saber mais sobre o mundo místico de Jaloo? Então dá o play no programa:

24h com Jaloo

Sem mais artigos