Alex Kapranos, vocalista e guitarrista do Franz Ferdinand, comentou pelo Twitter, na noite de domingo (27), o tumulto ocorrido na fila de entrada para o show da banda, que havia se apresentado pouco antes no Cultura Inglesa Festival, em São Paulo. Para controlar a fila e impedir que algumas pessoas pulassem as grades para entrar no show gratuito, policiais utilizaram bombas de efeito moral e spray de pimenta.

“Ei, São Paulo. Obrigado a todos no show por fazer dele algo incrível para nós. Nós amamos o Brasil cada vez mais. Além disso, obrigado a todos por ser tão pacientes. Eu vi a fila terrível lá fora. Deve ter sido um saco”, escreveu Kapranos, em seu microblog. Em seguida, recebeu a mensagem de um fã narrando a utilização de bombas de efeito moral para dispersar a fila.

“Merda. Isso é horrível. Eu queria poder fazer alguma coisa. Não sabia de nada disso. São notícias terríveis. Espero que os fãs que foram pegos do lado de fora estejam bem e não tenham sido feridos nesse conflito com a polícia sobre o qual estou ouvindo”, escreveu.

Além do Franz Ferdinand, se apresentaram no Cultura Inglesa Festival as bandas britânicas We Have Band e The Horrors, além das brasileiras Banda Uó e Garotas Suecas.

A organização do festival divulgou uma nota à imprensa explicando o acontecido. Confira a mensagem na íntegra:

“A lotação do Parque da Independência é limitada ao número de 20 mil pessoas. Tal capacidade não foi atingida, segundo dados oficiais da Polícia Militar de São Paulo – foi computada a entrada de pouco mais de 18 mil fãs. Entretanto, ‘houve um pequeno grupo de fãs que, por temer não acessar área de shows, iniciou um princípio de tumulto, empurrando os fãs que aguardavam ordeiramente na fila’, segundo o Comandante Douglas La Femina Jr. ‘Há uma escada na entrada do Parque e a entrada desordenada poderia causar muitos acidentes e pisoteamento, a Polícia Militar decidiu por fechar os portões do Parque e reordenar a fila de entrada e, foi neste momento, que o grupo de fãs que chegou depois tentou pressionar os fãs que já aguardavam sua entrada’, explica o Comandante.

Neste momento, para dispersar o grupo que pressionava os outros fãs contra a grade, a PM aspergiu o gás de pimenta por sobre a cerca de segurança – com cerca de 2,30m. Depois que a fila foi reorganizada, as portas foram reabertas e os fãs puderam assistir ao show final”.

Sem mais artigos