Os lendários Rolling Stones estão prontos para gritar “Start Me Up” mais uma vez.

Em uma coletiva de imprensa em Nova York na terça-feira, a banda anunciou sua próxima turnê. O vocalista Mick Jagger, os guitarristas Keith Richards e Ron Wood e o baterista Charlie Watts pousaram na cidade com um dirigível amarelo estampado com a famosa língua.

A banda disse que a turnê de 2002-2003 iria acontecer em estádios, arenas e pequenas casas de shows. Nas temporadas anteriores, os Stones fizeram alguns shows surpresa em lugares mais intimistas, divulgando as apresentações apenas poucas horas antes para evitar tumulto.

A turnê vai começar em 5 de setembro em Boston e cobrirá 32 datas nos Estados Unidos, terminando na Cidade do México em fevereiro. Depois disso eles voltam à estrada em junho de 2003 para shows na Europa, Austrália e Extremo Oriente — o grupo espera poder fazer sua primeira apresentação na China.

Jagger disse que os shows de abertura deverão incluir Sheryl Crow e No Doubt.

A primeira turnê do grupo em três anos irá coincidir com a primeira apresentação que os Stones fizeram em 12 de julho de 1962 no Marquee Club, de Londres. Teoricamente, esse seria o 40o aniversário, mas a banda diz ter apenas 39 anos de estrada uma vez que Watts só se juntou aos Stones em 1963.

Jagger afirmou ainda que a banda vai lançar um álbum duplo com os principais hits e algumas músicas inéditas. Embora o repertório inclua os grandes sucessos dos Stones, Jagger lembrou que o grupo fará questão de tocar algumas canções raramente apresentadas ao vivo.

Perguntado sobre o que motiva os Stones a excursionar novamente, Richards disse: “Diversão”.

Sem mais artigos