Os filhos de Michael Jackson eternizaram nesta quinta-feira o nome de seu pai na Calçada da Fama de Hollywood, em uma homenagem que também contou com a presença do jovem cantor Justin Bieber.

Paris Jackson, de 13 anos, se encarregou de escrever o nome de seu pai – além de desenhar um coração – em frente à entrada do célebre Teatro Chinês, onde com a ajuda de uma das famosas luvas do Rei do Pop também gravou a forma de sua mão.

Já o pequeno Blanket, de 9 anos, gravou um dos sapatos de seu pai na argamassa apoiado por seu irmão mais velho, Prince, de 14.

Os três filhos de Michal Jackson também deixaram as marcas de suas próprias mãos, ao lado das homenagens a Marilyn Monroe, Elizabeth Taylor e Steven Spielberg.

Na cerimônia, que durou cerca de uma hora e meia, foram entoadas algumas canções de Michael Jackson, como They Don’t Care About Us e Black or White, apresentadas por alunos de várias escolas artísticas e também membros do Cirque du Soleil.

Um dos momentos mais aclamados foi quando Justin Bieber apareceu no palco. O astro canadense foi recebido com muitos aplausos e admitiu nervosismo por homenagear um artista tão admirado por ele.

“Foi mais que um grande artista, foi uma inspiração. Eu quero ser tão bom como ele foi”, declarou Bieber, antes de cantar Rockin’ Robin, música da época em que o Rei do Pop integrava o grupo Jackson 5.

Michael Jackson faleceu em 25 de junho de 2009, vítima de uma overdose de anestésicos.

Sem mais artigos