Bruno Mars levou a coroa de artista do ano da Billboard. Os motivos, segundo o site Idolator são: seu disco Unorthodox Jukebox ter ficado no território das 20 mais, a turnê mundial Moonshine Jungle – que passou pelo Rock in Rio 2013, com louvor -, e o próximo intervalo do Super Bowl. “Em resumo: ele provou ser confiável”, diz o site.

Bruno Mars – When I Was Your Man

Mesmo a Billboard apontou que foi uma vitória surpresa, em ano marcado por novas estrelas, divas do pop e R&B retrô. Em um ping-pong com Mars com a revista, ele disse que sua proposta era fazer algo diferente. “É o que Gaga faria”, pontifica.

Veja a capa

 

Sem mais artigos