Depois de ter levantado uma bandeira do Brasil no palco e ser vaiado (lógico) na Argentina, Ozzy Osbourne chamou São Paulo de Rio durante o show do Black Sabbath sexta-feira (11), no Campo de Marte. Neste domingo, eles se apresentam na capital carioca.

Se o “incidente diplomático” no país “hermano”, levou o cantor a admitir que havia sido um erro, em São Paulo a gafe passou despercebida.

A turnê mundial Reunion trouxe ao Brasil pela primeira vez juntos Ozzy, o guitarrista Tony Iommi e o baixista Geezer Butler, integrantes originais da banda pioneira do heavy metal, nos anos 70.

Os shows começaram em Porto Alegre, na quarta, passaram por São Paulo na sexta, chegam neste domingo ao Rio e se encerram em Belo Horizonte, na terça.

Sem mais artigos