Cardi B não poupou críticas a quem não concordou com seu prêmio

Cardi B foi eleita “A Mulher do Ano” de 2020 pela Billboard nesta quarta-feira. Para agradecer a vitória na premiação, a norte-americana falou sobre a carreira e aproveitou até para xingar internautas que questionaram o título.

“Para os chorões que ficam reclamando: ‘o que? Mas ela só teve uma música’. Sim, eu tenho A música, vadia. Sabe? Aquela que mais vendeu, aquela que foi mais ouvida. Aquela que fez republicanos chorarem na Fox News”, escreveu Cardi B em suas redes sociais.

“Aquela que tem uma música que está prestes a ser seis vezes platina em três meses. Aquela que fez sua vovó rebolar a vagina no TikTok. Sim, vadia. ESSA música”, continuou a cantora sobre WAP, uma das canções de maior sucesso no mundo em 2020.

Cardi B também lembrou da participação ativa que teve nas eleições deste ano nos Estados Unidos, lembrou que influenciou muitos sobre seu posicionamento.

“Usei meu dinheiro, minha própria grana para me encontrar com candidatos como o Bernie (Sanders). Voei, cansada, após os shows. Sim, fui eu, vadias. Eu represento a América e nunca irei mudar”, completou o desabafo.

Sem mais artigos