De acordo com a resenha publicada pelo site Free Gotham, a autobiografia de Scott Weiland, do Stone Temple Pilots, vai trazer revelações inéditas a respeito da vida pessoal do músico.

Na obra, ele conta que foi molestado por um garoto do colegial quando era criança, e que, durante uma viagem para a França, quase foi assassinado.

O livro, intitulado Not Dead & Not For Sale, chega ás lojas no dia 17 de maio.

Sem mais artigos