(Foto: divulgação) Erick Jay

Novamente o Brasil será bem representado no exterior. O DJ paulistano Erick Jay está prestes a embarcar para os EUA onde disputará o Goldie Awards, um dos maiores campeonatos de toca-discos do mundo, que será realizado no dia 8 de novembro em Nova Iorque. É a primeira vez que um brasileiro participa do torneio.

“Quando recebi o email dizendo: ‘Parabéns, você foi selecionado para participar do Goldie Awards’, eu amei”, diz Erick Jay em entrevista ao Virgula. Empolgado, o DJ continua: “Como é a segunda edição do campeonato, achei que não iriam me chamar tão rápido, mas aí você vê realmente que o mundo está vendo o meu trabalho. Fiquei muito feliz porque era uma das minhas metas para este ano”.

Participar de campeonatos fora do Brasil não é novidade para Erick. O DJ toca no exterior desde 2009 e coleciona muitos prêmios. Em 2016, atingiu o ápice da carreira ao conquistar os dois títulos mundiais mais importantes da categoria: DMC World, em Londres e IDA World, na Polônia. Neste ano, foi representar a América do Sul no Kame World Class, na Nova Zelândia.

“Representar o país é muito difícil devido à falta de patrocínio, reconhecimento, etc. Mas, é muito importante ter um DJ brasileiro competindo no cenário mundial e na maioria das vezes sou um dos únicos (ou o único) da América do Sul”, conta ele sobre a responsabilidade. “Algumas pessoas lá fora acham que no Brasil não tem tanta cultura assim na arte dos toca discos, mas temos e bastante”, diz.

No Goldie Awards, oito participantes do mundo todo serão julgados por um time de feras: Mark Ronson, Just Blaze, Craze, Murda Beatz, El-P, Anna Lunoe, Boys Noize e Venus X. Cada participante apresentará um set de cinco minutos onde será avaliado criatividade e originalidade, técnica e habilidade, seleção musical, presença de palco e interação com o público presente.

“Quando disputo um campeonato mundial, levo comigo o foco e a disciplina dos japoneses, o espírito de campeão dos americanos e a simplicidade e humildade dos brasileiros”, revela Erick. O DJ também adianta algumas de suas táticas para vencer o torneio: “Primeiramente, vou manter a calma e a frieza de executar as rotinas. E ser o mais original possível”.

Vai, Erick Jay, traz mais um título para o Brasil!

Assista ao vídeo que o classificou para o Goldie Awards:

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Here we go @goldieawards @atrak #goldieawards #goldieawards2018 🙏🏾. This is my vídeo submission to enter into the #goldieawards #goldieawards2018

Uma publicação compartilhada por erickjay (@erickjay) em

Confira também: “DJs fundamentais da música eletrônica no Brasil”:

Sem mais artigos