Justin Bieber

Justin Bieber é vaiado ao receber prêmio durante a cerimônia do Billboard Music Awards

A declaração feita por Justin Bieber no livro de visitas do museu da casa de Anne Frank em Amsterdam provocou duras críticas a ele na internet. O popstar disse que a adolescente, vítima do holocausto nazista, teria sido sua fã se tivesse vivido hoje. “Verdadeiramente inspirador ter estado aqui.  Anne foi uma grande garota. Queria que ele tivesse sido uma “belieber”.

A mensagem foi considerada narcisista e interesseira, o que alguns dos 37 milhões dos seguidores tentaram rebater. Muitos, no entanto, nem sabiam quem foi Anne Frank, apesar de seu famoso diário relatando os dois anos em que viveu escondidada dos nazistas na Amsterdam ocupada ser um dos maiores documentos históricos de todos os tempos.  

Entre os que se manifestaram contra Bieber estão os comediantes Rob Delaney, Ricky Gervais, Rainn Wilson e Albert Brooks. Lena Dunham, atriz, roteirista e diretora da série Girls e a atriz e roteirista Mindy Kaling também criticaram a declaração do músico.

Ricky Gervais escreveu no Twitter: “Concordo com Justin Bieber. Anne Frank teria amado seu som. É perfeito para tocar vem baixo, assim ninguém pode ouvi-lo”, detonou.

Justin Bieber é criticado por dizer que Anne Frank teria sido uma 'belieber'

Sem mais artigos