“Não é apenas o título, o tempo e batida são iguais, o refrão, a letra e acordes são parecidos”, alega o cantor Devin Copeland e o compositor Mareio Overton, sobre a faixa Somebody to Love, parceria entre Justin BieberUsher, lançada no álbum My World 2.0 (2010). 

A dupla afirma que em 2009 enviou sua versão de Somebody to Love para Usher e teriam sido convidados a abrir os shows da turnê mundial do cantor, mas após a proposta o empresário do rapper teria desaparecido.

Um ano mais tarde, Usher gravou uma versão dessa mesma música com Bieber. Em um processo aberto contra a dupla, Copeland e Overton pedem uma soma equivalente a 7,6 milhões de euros como indenização. 

“As probabilidades de duas canções terem tantos aspectos em comum é nula”, afirmou Overton em entrevista ao site da revista Billboard. Nos últimos meses, a vida de Bieber está completamente atribulada. O cantor foi atacado no palco durante um show em Dubai no domingo (05). 

Ouça Somebody to Love: 

Sem mais artigos