Crédito: Marta Ayora

A nomeação dos Tribalistas como um dos destaques do Lollapalooza causou estranheza, críticas e virou meme em 2018. Mas o trio provou que tem peso suficiente para agitar uma multidão, que se deliciou ao som de ‘Velha Infância’.

Antes mesmo de subirem ao palco, um coro contra Bolsonaro já havia começado, gritos esses que marcaram várias apresentações e prometem ter eco nos próximos dias. Durante o show, os fãs recomeçaram o ‘ei, Bolsonaro, vai tomar no c*”, mas logo foram abafados com a introdução de ‘Passe em Casa’.

Carlinhos Brown puxava o público – “Ajayô!” – que pode ter um final de tarde nostálgico com o trio. Destemidos, encararam a concorrência de St. Vincent no palco Adidas e fizeram bonito com um setlist que incluiu ‘Infinito Particular’, ‘Diáspora’, ‘Amor I Love You’, iluminaram, literalmente, o Lollapalooza com os visores dos celulares ao tocarem ‘Depois’ e encerraram com ‘Já Sei Namorar’.

Sem mais artigos