Sem medo de falar de amor, Malu, dona do sucesso “Disco Arranhado”, lançou nesta sexta-feira (24) o single “Love Love”. A faixa traz uma mistura do piseiro com a música eletrônica e marca a parceria entre a artista e a gravadora Universal Music.

Eu sou uma mulher cheia de amor para dar”, declara Malu em entrevista com um sorriso no rosto pela ansiedade do lançamento, a artista de 19 anos reforça que gosta de falar sobre o amor. No novo single, “Love Love”, a artista explora ainda mais esse sentimento e canta sobre uma uma pessoa que, apesar de ser trocada, acaba tendo uma recaída com o ex-amor.

Com a mistura do piseiro com o pop eletrônico, a faixa chega com uma melodia que chama para dança. Característica que Malu percebeu assim que escutou o refrão. “Eu sou tiktoker, quando escutei o refrão eu pensei que a música é tão boa que já tinha até uma coreografia pronta”, diz a artista que também coreografou a faixa.

“Love Love” é composta por Kinho Chefão e Kinho Compositor e conta com a produção de Thalles Medina o Gordinho do pam pam pam. O clipe é dirigido por Alex Batista. Em entrevista, Malu contou um pouco sobre a importância da música em sua vida, sobre dar visibilidade para as mulheres na letra e sua nova fase.

Antes de falar de “Love Love”, eu queria saber bem do começo, como você começou na música, como a música surgiu na sua vida?

Malu: Rapaz, antes de começar a cantar profissionalmente, eu sempre tive a influência da música gospel na minha vida. Sempre cantei muito desde muito nova, meus pais sempre me influenciaram nisso. E tudo eu fazia cantando. Até que eu comecei a trabalhar em uma loja de roupas, passou um vizinho e me ouviu. Ele gravou um vídeo e mandou para o meu atual empresário, Diego Ravi. Nisso, ele disse que tinha um projeto que era a minha cara e eu aceitei, eu estava no céu. Mas a influência mesmo sempre foi desde muito cedo desde quando eu comecei a cantar na igreja.

Quando você lançou “Disco Arranhado” você se lançou como uma representante dos caminhoneiros, em especial das caminhoneiras. Qual a sua relação com esse meio?

Malu: Quando lançamos nosso primeiro CD promocional, “Disco Arranhado” foi uma que o pessoal abraçou muito, inclusive os caminhoneiros. Foi a galera que empurrou bastante minha música, em forma de agradecimento eu fui lá e fiz o clipe homenageando uma classe que eu sempre admirei. E eu falei mais, também tem mulher caminhoneira, também tem mulher que sai de casa. Então inistir nessa ideia de ser uma mulher caminhoneira. Eu gosto muito de ressaltar o lugar das mulheres. Eu tenho outro clipe também, “Marque sua amiga aí”, que tem um refrão que é “Marque sua amiga aí que tem um talento que nem eu, que sai lisa e volta bebada”. Outras pessoas colocariam as mulheres sendo bancadas por homens, mas eu coloquei amigas bancando amigas porque às vezes isso acontece, né? As amigas se bancam e a gente não precisa de homem para dar rolê. Estou sempre buscando pautar a independência da mulher.

Falando de Love Love, como surgiu a ideia do novo single, como foi toda a produção?

Malu: Nós sempre fazemos a seleção de repertório. Um dos nossos parceiros, que é compositor, mandou essa faixa falando que era a minha cara. Por eu falar de amor, eu sou uma mulher cheia de amor para dar. Estou ansiosa para mostrar para a galera e saber qual vai ser a reação. Minha expectativa está alta, a faixa está boa de ouvir e o clipe está maravilhoso, eu acho que ele tá tudo perfeito na minha opinião. Quem concorda respira (risos).

E na faixa tem mais um piseiro eletrônico, como foi essa mudança de ritmo?

Malu: Como eu canto um arrochinha, e às vezes tem a mesclagem do piseiro com arrocha. Agora a gente quis fazer um piseiro com eletrônico que é uma coisa que está bem em alta agora. Combinou, casou com a voz, casou com o clipe.

E sobre a coreografia, você que criou, né? Como você teve a ideia?

Malu: Eu falei eu quero o meu nome na ficha técnica, meu amor! (Risos) Eu sou tiktoker, e quando eu escutei o refrão eu pensei que a música é tão boa que já tinha até uma coreografia pronta. E eu fico vendo várias coreografias no TikTok, então acabei pegando a manha. A galera do clipe e da produção gostou e aí é isso. Inclusive, estou ansiosa para mostrar para o pessoal do TikTok.

Malu traz piseiro eletrônico romântico na faixa “Love Love”; ouça

Sem mais artigos