Marilyn Manson lançou na última quarta-feira (31) o clipe da música Born Villain, que marca a volta do cantor ao cenário musical após um hiato de dois anos. A direção do vídeo é assinada por Shia Laboeuf, astro do filme Transformers.

LEIA MAIS: Marilyn Manson transfere seres grotescos de sua música à pintura

Marilyn Manson se diz apavorado por retratar Angelina Jolie nua

Com trechos da obra Macbeth, de Shakespeare, o filme é uma homenagem ao longa-metragem macabro Un Chien Andalou, de 1928. Curiosamente, o roteiro do clássico é assinado por Luis Buñuel e por Salvador Dalí. Para conferir o trailer, clique aqui.

Pessoas nuas, penduradas no teto por ganchos de metal, mutilações, sadismo, um demorado close ginecológico, cenas grotescas e sangue, marcam um dos – se não o mais – chocante e perturbador clipe de Manson. O vídeo não é indicado para menores de 18 anos, mesmo os mais velhos podem ficar transtornados com as imagens.



Em uma nota publicada em seu site oficial, o cantor fala sobre a parceria com o ator Shia LaBeouf: “Enquanto eu estava procurando por um novo parceiro, encontrei Shia e nós gastamos uma longa noite em meu estúdio. Após ver Maniac, um curta-metragem dele inspirado em Man Bites Dog, eu fiquei imensamente impressionado com sua habilidade de direção”.

“Então, eu resolvi dividir um pouco de minhas inspirações favoritas em arte, literatura e obviamente no cinema. Fiquei impressionado em como Shia digeriu meu mundo e fez exatamente o que eu esperava para esse clipe que, além de tudo, é uma homenagem ao cinema macabro”, completa o cantor.  

Born Villain, ainda sem previsão de lançamento, será o oitavo álbum de estúdio de Manson e o primeiro desde que deixou a gravadora Interscope Records.



Sem mais artigos