Metá Metá

Metá Metá

Um dos nomes mais quentes da música brasileira alternativa,  o trio maravilha Metá Metá, formado por Juçara Marçal (voz); Kiko Dinucci (guitarra, violão, voz) e Thiago França (sax tenor e barítono) volta para mais uma turnê europeia. Ao vivo e nos discos, ele recebem o apoio dos monstrões Marcelo Cabral (baixo), também integrante da banda e um dos produtores musicais de Criolo, e Serginho Machado (bateria), filho do lendário Filó Machado e que andou fazendo umas paradas cabreiras com Letieres Leite.

“Enquanto a gente prepara o terceiro álbum, taí um EP, lançado às vésperas da terceira turnê europeia. Nesse EP, aproveitamos para gravar as músicas que entraram no show mas ainda não tinham sido gravadas por nós”, escreveram no site deles. As três faixas foram liberadas para download (aqui).

“O disco abre com Atotô, do Kiko, gravado originalmente em 2007 por ele e Juçara, no álbum Padê. A segunda faixa é Me Perco Nesse Tempo, conhecida pelo registro feito pela banda brasileira pós-punk “As Mercenárias”, no disco “Cadê as Armas?”. O EP fecha com o samba de Douglas Germano, Sozinho, com formação acústica, como o Metá fez em seu primeiro álbum de 2011″, completam.

O EP foi gravado em um dia (2 de abril) no estúdio El Rocha, em São Paulo, por Fernando Sanches, que também mixou e masterizou a pedrada.

Se liga no time:

Metá Metá

Metá Metá

E veja o estrago que está por vir no Velho Mundo.

Metá Metá, turnê

Me Perco Nesse Tempo, hino pós-punk das Mercenárias, entra em EP do Metá Metá

Sem mais artigos