Esta não é uma segunda-feira normal, ainda bem! É um dia para se comemorar, porque 13 de julho é o Dia Mundial do Rock!

Ok, sabemos que, para quem ouve e respira esse gênero selvagem, de atitude, e que ditou todo um estilo de vida, todo dia é dia dele. Mas não custa celebrarmos  mais uma vez, certo? Por isso, o Virgula Música foi atrás dos maiores astros da música nacional (de roqueiros até DJs, por que não?) para saber qual foi o primeiro show que eles assistiram na vida, e consequentemente mudaram os seus caminhos profissionais.

São shows e lembranças de dar inveja. Teve músico que viu o primeiro show do Paul McCartney por aqui, ou o primeiro do Kiss, e dos Rolling Stones. Outros assistiram ao Legião Urbana no auge, e o Secos & Molhados na década de setenta. Só clássicos! E acreditem, teve até quem viu ao Balão Mágico de perto para perder o medo do Fofão.

Ou seja, os primeiros shows de rock serviram de cartilha pra essa galera de peso. Sem essas apresentações a nossa história não seria a mesma, e a gente só agradece. Como diz o AC/DC: rock, nós o saudamos!

Se liga nas respostas desses feras:

O primeiro show da vida dos rockstars brasileiros

"Assisti ao Kiss em 1983, no Estádio do Morumbi. Mudou a minha vida, pois eu já era um fanático. Não era do Kissarmy, mas eu me sentia como um soldier. Poder ver "Creatures of The Night" em um show pirotécnico foi demais. Ainda mais que foi um dos últimos shows deles antes de tirarem as máscaras. Foi o pontapé inicial para que eu seguisse a carreira de músico." | Créditos: Divulgação. montagem
"Minha primeira experiência com grande show de rock e que mudou minha vida foi um show do Dead Fish, uma banda capixaba de hardcore. Foi ali que eu vi que tinha muito rock sendo feito no Brasil, por baixo dos panos, no chamado underground. Era um som que não tocava em rádio, um som que não aparecia na TV, mas que tinha milhares de pessoas curtindo ao redor do Brasil. Eu era um desses caras e fui nesse show achando que teria 100 pessoas e tinha muito mais. Foi ali que eu pude ver a força da música, pela música, e principalmente como uma ideologia, uma mensagem pode ser transferida através de uma música. Aquilo deu um clique muito forte na minha vida e por isso eu sou extremamente grato ao Rodrigo e a galera do Dead Fish, que está em atividade até hoje." | Créditos: Divulgação/ montagem
"O primeiro show que fui na vida foi o do Paul McCartney no Maracanã. Inesquecível, sempre fui beatlemaníaco. Lembro que passei metade do show chorando. Foi a primeira vez que vi o impacto das canções na memória afetiva das pessoas, talvez da forma mais forte que se possa ter- com canções dos Beatles. Mudou minha vida para sempre." | Créditos: Divulgação. montagem
"Foi na primeira tour dos Rolling Stones no Brasil, no Pacaembú, em SP. Fomos de excursão de Pirassununga. Chegamos muito cedo ao local e ficamos mortos esperando o estádio abrir. Quando chegou a hora do show estávamos exaustos. Aprendi o que era um show de rock, e a não chegar antes da hora que o show está marcado." | Créditos: Divulgação. montagem
"Foi o do Balão Mágico, em 1983. Pirei horrores! Passei a não ter mais medo do Fofão. O que é uma grande mudança de vida". | Créditos: Divulgação. montagem
"Meu primeiro foi o Legião Urbana. Foi na gravação do programa "Perdidos da Noite", que era dirigido pelo Faustão. Eu tinha ido através de uma excursão do colégio e foi uma surpresa muito grande pra mim porque não sabia que eles seriam a atração do programa. Já conhecia através da Rádio e gostava muito das músicas "Será" e "Ainda é Cedo". Logo depois lembro que comprei o disco e aí me tornei ainda mais fã. Foi muito importante pra mim esse momento, pois eu estava começando a tocar e até então gostava mais de rock gringo, e o Legião me mostrou que era possível ter uma banda de rock legal com letras escritas na língua portuguesa." | Créditos: Divulgação. montagem
"O primeiro show que foi num festival que se chamava "RockWave", onde assisti bandas como Radio Taxi e Robertinho do Recife com o MetalMania. Foi em Brasília e mudou completamente a minha vida, foi uma mistura de medo e fascinação! Muito tempo depois, o mesmo empresário que fez esse festival foi o primeiro empresário que tivemos quando gravamos o primeiro disco do Raimundos em 1994." | Créditos: Divulgação. montagem
"Foi em 1985 em um show de hardcore em Cleveland, Ohio, da banda Cro-Mags. Eu tinha 14 anos e quando vi eu sabia que queria cantar numa banda de punk rock. Isso mudou a minha vida! Também decidi não comer mais carne por causa das letras vegetarianas da banda." | Créditos: Divulgação. montagem
"O show que mudou a minha vida foi do Trentemoller em NY. Foi um live show fodido bem experimental e ousado, muito louco. Mas antes eu vi o Prodigy, porém não teve o mesmo impacto que o Trentemoller." | Créditos: Divulgação. montagem
"O meu primeiro show foi da banda de heavy metal de Porto Alegre, Astaroth. O show foi muito bom, eu era muito fã desta banda. Eu tinha 13 anos e quase não me deixaram entrar, mas consegui e agitei o tempo todo. Depois desse show, quis ser guitarrista de uma banda de metal e aqui estou, fazendo hoje o que desejei naquele momento." | Créditos: Divulgação. montagem
"O primeiro show que eu me lembro foi o do Secos e Molhados em 1973, no ginásio de esportes Presidente Médici, em Brasília. A banda fez tanto sucesso na época que meus pais nos levaram pra ver esse show, num ginásio lotado, eu devia ter uns 7 anos de idade. Mas banda de rock mesmo acho que foi quando o KISS veio ao Brasil pela primeira vez e tocou no Maracanã. Eu viajei pro Rio sozinho de ônibus pra ver esse show". | Créditos: Divulgação. montagem
"Foi o Chico Science e Nação Zumbi no festival "Chama", no Crato em 1995. Eu era criança, fiquei impactado pelo peso da musica e pela performance dele. Decidi naquele dia que eu queria fazer o mesmo. | Créditos: Divulgação. montagem
"Meu primeiro show foi da Legião Urbana, em 1985, no Madame Satã. Foi incrível, pois já estava acompanhando a banda tocando nas rádios com o hit "Será". Ali eu tive a certeza do que eu queria para minha vida; ter uma banda de rock." | Créditos: Divulgação. montagem
"Foi um festival chamado "Rock Foz" quando eu morava em Foz do Iguaçu. Aconteceu logo depois do "Rock in Rio" de 1985 e o rock nacional estava em alta. Vi ao vivo o Lobão, Sempre Livre, Magazine, Vinicius Cantuária, etc. Eu tinha quatorze anos e era mega quebrado de grana. Para assistir ao festival tive que entrar pelo meio da mata do Parque Nacional do Iguaçu, atravessar o rio e tudo mais, mas valeu a pena. Eu não tinha como pagar pela entrada. Foi ali que eu tive certeza do que queria fazer pelo resto da minha vida." | Créditos: Divulgação. montagem
"Foi o Korzus, no Clube Paineiras do Morumbi. Foi um show sensacional, só reforçou a minha vontade de tocar!!!" | Créditos: Divulgação. montagem

 

No Dia Mundial do Rock, perguntamos a rockstars nacionais qual foi o 1º show que assistiram na vida

Sem mais artigos
Sair da versão mobile