Cerca de 10 mil pessoas se reuniram neste sábado (25) no Parque do Ibirapuera, uma das principais áreas verdes da cidade de São Paulo, para comemorar a chegada da primavera durante o Holi Festival das Cores.

Organizado pela segunda vez na cidade, o festival se inspira nas tradições hindus de comemoração da primavera e disponibilizou pós nas cores dos sete chakras sagrados: roxo (saúde), verde (união), amarelo (alegria), rosa (renovação), azul (paz), vermelho (amor) e laranja (positividade).

Vendidos pela organizadora do evento, a empresa barcelonense Verdi Produções, os pós tomaram conta do parque e seus frequentadores, que aproveitaram o sábado de tempo um pouco mais ameno na capital (que sofre com uma forte estiagem e tempo seco) para curtir o parque considerado a “praia dos paulistas” e que está completando 60 anos.

Segundo a empresa, a escolha do parque para realizar o festival se deu justamente pela sua característica de reunir as diversas tribos da cidade num mesmo lugar, congregando jovens, crianças e adultos de todas as classes sociais num mesmo objetivo: celebrar a chegada da primavera.

O festival tomou ares de Woodstock com o oferecimento de diferentes atividades, desde uma meditação coletiva, até a apresentação de bandas de reggae, música eletrônica e uma jam session com músicos contemporâneos como parte do encerramento.

Enquanto uns aproveitavam o ambiente para reunir a família, ter um momento de lazer com as crianças, ou até mesmo namorar, jovens aproveitaram os shows para fazer novas amizades à espera da apresentação do DJ Piero Chiaretti, uma das mais esperadas do dia.

Além dele, se apresentaram ainda as bandas Xaxado Novo, TK and Nam Rock e Bloco Kaya na Gandaia, todos parte uma seleção musical inspirada, mais um vez, nos sete chakras compartilhados em forma de pós multicoloridos espalhados pelo parque.

Sem mais artigos