A policia alemã desenvolveu um aplicativo para smartphones que permite a identificação de músicas com conteúdos neo-nazi e racistas.

Segundo informações do jornal Der Spiegel, a alta cúpula do governo alemão fará uma reunião para discutir a possiblidade de implementação deste novo método

A música neo-Nazi é um problema crescente no país e o governo afirma que as letras ajudam no recrutamento de jovens nos grupos extremistas. A constituição alemã proíbe a glorificação nazista.

O aplicativo desenvolvido pela policia de Saxony, reconhece as “impressões digitais do áudio” das músicas de rock neo-nazi.

O software foi apelidado de “Nazi Shazam” em referencia ao Shazam, serviço de identificação de músicas para smartphones e poderá auxiliar a policia a reconhecer se a música que está tocando em estações de rádio online ou em festas contém letras com alusões nazis.

No ano passado uma comissão criada especificamente para este assunto, identificou 79 músicas com conteúdos neo-nazis ou racistas.

Sem mais artigos