Rádios de diversos países pararam de tocar as músicas de Michael Jackson nos últimos dias. O motivo é o lançamento, nesta quarta-feira (6), da primeira parte do documentário ‘Leaving Neverland’, em que o suposto histórico de abuso sexual do astro pop é narrado. O filme de quatro horas conta com entrevistas de James Safechuck e Wade Robson, ambos acusam o cantor de abusá-los na infância.

Segundo o site inglês Metro, 0 documentário foi anteriormente exibido no Festival de Sundance e descrito como “aterrorizante” e “incômodo de assistir”. Desde então, rádios da Nova Zelândia, Canadá, Inglaterra e Estados Unidos retiraram as músicas de Michael Jackson de suas playlists.

Fatos desconhecidos sobre Michael Jackson

Em entrevista ao programa australiano 60 Minutes, a mãe de Michael, Katherine Jackson, disse que ele era
Três dos seis compositores de 'Sonic 3', Brad Buxer, Doug Grigsby III e Cirocco Jones, confirmaram que o Rei do Pop trabalhou com eles na trilha do game. Eles disseram também que a parceria com Jackson chegou ao produto final.
Michael era um fã do livro 'O Pequeno Príncipe', principalmente quando virou filme. O personagem 'A Cobra', interpretado pelo coreógrafo e diretor americano Bob Fosse, era seu favorito e serviu de inspiração para os passos de 'Billie Jean'.
O Mirror publicou algumas fotos feitas por policiais no quarto de Michael na época de sua morte. No local, eles encontraram coisas como camisetas sujas de sangue, frascos de remédios e fotos de bebês. Tenso!
Michael Jackson esteve perto de atuar na saga Star Wars. Ele faria o personagem 'Jar Jar Binks' no 'Episódio I - A Ameaça Fantasma'. Segundo o site Digital Spy, o popstar queria viver o personagem e chegou a conversar com George Lucas sobre o assunto. Mas acabou perdendo a vaga para o ator Ahmed Best, que encarnou Binks.
Por cerca de três anos, Michael Jackson infernizou a vida do ator Russell Crowe com trotes por telefone. O ator revelou a bizarrice do Rei do Pop em uma entrevista ao The Guardian, no ano passado.
Debbie Rowe, ex-mulher de Michael Jackson, disse em depoimento como testemunha no julgamento civil pela morte do artista que o Rei do Pop se via refletido na história do homem elefante e temia que as pessoas prestassem mais atenção em sua aparência do que em sua obra.
Aaron Paul, mais conhecido por interpretar 'Jesse Pinkman' na série 'Breaking Bad', contou à coluna Page Six, do jornal New York Post, que recebeu conselhos de Michael Jackson. De acordo com o ator norte-americano, ele e o Rei do Pop se conheceram no casamento do príncipe Azim de Brunei, em Londres, em 2008.
Em uma visita ao museu do Barcelona no Estádio Camp Nou, Joseph Jackson, pai de Michael disse: “O Barcelona lembra meus filhos, os Jackson Five. Quando estavam cantando e dançando, juntos, faziam um grande show”.
Randall Sullivan, jornalista e ex-editor da revista Rolling Stone, escreveu em seu livro 'Intocável: a estranha vida e a trágica morte de Michael Jackson', que o Rei do Pop morreu virgem.

Rádios retiram músicas de Michael Jackson do ar após documentário

Sem mais artigos