O DJ Renato Cohen é o convidado da próxima edição da festa infantil Disco Baby, que ocorre neste sábado (04) em São Paulo. Indicada para bebês e crianças de 5 meses a 10 anos, a Disco Baby já convocou gente do calibre do DJ Marky e Mano Brown para fazer os pequenos mandarem ver na pista de dança.

Os pais e responsáveis – ninguém entra na festa sem uma criança a tira-colo -também têm uma pista de dança exclusiva, onde podem ser divertir sem medo de pisar no pé das crianças. Para quem ainda não aprendeu a soltar o rebolado, a Disco Baby oferece um show circense, brincadeiras e comidinhas, tudo com supervisão pediátrica.

Em entrevista à produção da festa, o DJ Renato Cohen prometeu apostar em um set repleto de boas músicas para divertir os pais e crianças. Confira:

Disco Baby – Qual foi o seu público mais jovem até hoje? Você tocou algo diferente pra eles?
DJ Renato Cohen: Acho que o mais jovem deve ter sido na faixa dos 18, mas nada comparado a Disco Baby. 

Disco Baby - Você acha importante uma boa formação musical na infância, em que aspectos da vida isso pode influenciar?
DJ Renato Cohen: Para mim foi fundamental. Não sei se o papel da música vai ser tão fundamental na formação das pessoas como foi para as gerações passadas, mas acho importante ter intimidade com a música desde cedo, saber do que você gosta ou não gosta. Desenvolver o conhecimento e as ferramentas para poder filtrar o que o mundo te oferece de bom só pode ser positivo.

Disco Baby - O que seus pais ouviam com você quando era criança? Isso foi importante na sua formação?
DJ Renato Cohen: Um pouco de tudo, Beatles, MPB, Blues, Jazz e música erudita, (as mais divertidas). Minha favorita era Carmen de Bizet. Eu tinha discos como Os Saltimbancos, Pedro e o Lobo e etc. Tinha um disco do Santana em casa que eles nunca ouviram, nunca entendi como foi parar lá. Eu adorava e acho foi o um dos primeiros discos de rock que eu ouvi. Acho que foi muito importante na minha formação, desde as coisas que eu gosto até hoje até as coisas que eu detestava e que me levaram a procurar o oposto daquela “música de velho”.

Disco Baby – Qual o primeiro disco que você comprou, tem ele até hoje?
DJ Renato Cohen: Meu primeiro disco, como para muitos da minha geração foi um disco do Kiss, o Dynasty. Não só ainda o tenho como recentemente comprei o 12″ da faixa I Was Made For Loving You. 

Disco Baby – Da nossa experiência com a Disco Baby, percebemos que as crianças gostam de timbres “positivos”, tons maiores, vocais meio tortos, pouco convencionais. Isso é que elas trazem de fábrica, até porque não conhecem as agruras da vida para se identificarem com sons mais sombrios. O que você está preparando pro seu set na Disco Baby?
DJ Renato Cohen: Eu ja imaginava esse tipo de gosto das crianças, meio parecido pelo gosto por comidas, de sabor mais redondo, sem pimentas e temperos muito forte. Eu nunca preparo muito o que eu vou tocar, eu só tenho certeza do que fazer depois de colocar a primeira música e sentir as pessoas. Nesse caso, mais do que nunca eu realmente vou sentir o clima na hora. Estou separando musicas bem animadas da disco ao house. 

SERVIÇO – DISCO BABY: 
Quando: Sábado, 04 de maio, das 15h às 19h 
Ingressos:  
Adulto: R$ 35 
Bebês e crianças: R$ 15 
Babás e 3ª idade: R$ 20
Pacote Almoço no Chácara Santa Cecília + Disco Baby 
Crianças até 2 anos: R$15 (paga somente o ingresso)
Crianças a partir de 3 anos: R$ 37
Babás e 3ª idade: R$ 75
Adultos: R$ 85
Local:  Offset – Rua Ferreira De Araújo, 589 – Pinheiros – São Paulo
Telefone: 11 – 3097-9396

<iframe width=”636″ height=”358″ src=”http://www.youtube.com/embed/0P_Ee7G-J7o” frameborder=”0″ allowfullscreen></iframe>

Sem mais artigos