Quando todos diziam que o rock tinha morrido, ele levou o rock para o mainstream como ninguém jamais havia feito.

No dia 20 de fevereiro de 1967, nascia em Washington, EUA, Kurt Cobain. Em 5 de abril de 1994 ele nos deixou e já são pouco mais de duas décadas de saudade.

Não precisamos nem dizer o quanto o vocalista do Nirvana balançou o mundo da música com sua atitude rebelde, aparência desleixada, letras profundas e, claro, recriando uma potente sonoridade.

Ícone dos noventa e um dos últimos grandes da música (ele odiaria se a gente o chamasse de rockstar, certo?), Kurt foi o símbolo de uma geração e inspirou muitos outros astros que surgiram depois dele: Daniel Johns, do Silverchair, e Gavin Rossdale, do Bush, são exemplos.

Herdeiros de “Smells Like Teen Spirit”.

Parabéns Kurt Cobain! Você é inigualável.

É normal a gente se perguntar como Kurt estaria se estivesse vivo? O que estaria fazendo? O Nirvana estaria na ativa? Ele teria Twitter e Instagram? Bom, essas respostas serão uma incógnita para sempre, mas dá para sabermos como outros músicos dos noventa seguem suas vidas.

Por isso, vasculhamos a vida de integrantes do Silverchair, Smashing Pumpkins, Hole, New Radicals, Limp Bizkit, Placebo, entre outros e descobrimos: alguns continuam bem em suas carreiras, já outros poderiam ter parado naquela década mesmo…

Veja na galeria de fotos abaixo.

Sem mais artigos