O Sepultura não descartaria fazer uma versão de Baby, sucesso de Justin Bieber, caso recebesse £ 1 milhão (R$ 3,1 milhões) pelo cover.

Em entrevista à assessoria do festival inglês Bloodstock, o guitarrista Andreas Kisser ressaltou, no entanto, que teria que “pesquisar” a discografia do cantor teen para avaliar essa possibilidade.

“Não temos medo [de fazer uma versão de uma música de Bieber]”, disse. “Não temos medo de música – independentemente do estilo ou da qualidade”.

“O Sepultura já fez covers de bandas de metal como Black Sabbath e Motörhead, e de bandas de hardcore como Discharge e Dead Kennedys. Mas também fizemos Bob Marley, U2, Jane’s Addiction… Fizemos tantas coisas diferentes que seria um desafio para nós, na verdade”, explicou.

Mas como soaria uma versão tão inusitada como essa?

“Eu não consigo imaginar, porque não conheço a música dele (risos”, brincou. “Eu teria que pesquisar e ver o que encontraria. Mas acho que os melhores covers são aqueles que não são previsíveis”, concluiu.

O Sepultura segue na turnê europeia de divulgação de Kairos, o último álbum do quarteto, lançado no ano passado. Dá para imaginar?

Sem mais artigos